Há quem diga que a única parte chata que antecede uma viagem é arrumar a mala. Eu particularmente, adoooro fazer as malas, mas não posso negar que o dilema sobre o que levar e não levar na bagagem aflige todo tipo de viajante.

Neste post vou te dar algumas dicas para te ajudar nesse dilema cruel.

FAÇA UM CHECK LIST

 

Parece bobagem, mas fazer um checklist é muito útil e pode salvar sua vida. Afinal, não tem nada mais frustrante do que chegar ao hotel, abrir a mala e ver que esqueceu “aquele cinto”, por exemplo. Procure arrumar a mala com, no mínimo, 1 dia de antecedência, para ter tempo de planejar a mala e com isso deixá-la mais enxuta e funcional.

 

 

LEVE SOMENTE O NECESSÁRIO

Só estou levando o básico. Você também fala isso quando está arrumando a mala?
Deixe a mala o mais leve possível. Lembre-se que ao voltar, você trará um monte de lembrancinhas e presentes.

 

Não desperdice nenhum espaço. Guarde as meias e acessórios dentro dos sapatos ou cano das botas. Uma dica bem legal também, é colocar os cintos enrolados nas golas de camisas para manter sua forma.

 

É importante que cada peça de roupa levada na mala combine com, pelo menos, 2 outras peças. Opte por tecidos que não amassem e, se possível, enrole as roupas em vez de dobrá-las. Se for levar peças muito delicadas ou com bordados e pedrarias, guarde em sacos separadamente, lembrando que o que amassa fica sempre por cima.
Para viagens em que você precisa de roupas volumosas, como casaco e sobretudo, use sacos a vácuo (lembre-se de levar aqueles que você consegue tirar o ar de forma manual).

 

 

Para otimizar espaço na mala, troque as embalagens originais de shampoo, condicionador e cremes por pequenos frascos de viagem. Tire a tampa dos recipientes, embrulhe filme plástico em volta e tampe de volta. Isso vai evitar vazamentos desagradáveis e prevenir que qualquer líquido suje suas coisas (e estrague sua viagem).

 

Use um porta comprimidos para manter os brincos e anéis organizados e não se perderem na mala. Outra dica legal é prender seus brincos em botões. Pode até parecer estranho, mas se você quer evitar que seus brincos quebrem, amassem ou se percam, prende-los nos botões vai economizar tempo e espaço.


Para não ter problemas com colares emaranhados, experimente coloca-los dentro de canudos, assim vai impedi-los de embolarem, e te poupar do trabalho de ter que “desembaraça-los”.

 

 

Organize carregadores e fones de ouvido guardando-os em caixas de óculos.

 

 

 

Mantenha seus grampos de cabelo organizados dentro de uma caixinha vazia de Tic Tac.

 

 

Escolha sempre calçados confortáveis e não esqueça de embalá-los em sacos de pano para proteger as roupas. Na volta, use touca de banho para embalar os sapatos sujos e coloca-los na mala. As toucas de banho, principalmente as descartáveis, são ótimas para separar e proteger os sapatos do restante das roupas.

 

Não leve objetos de valor dentro das malas. Infelizmente é comum o assalto a malas de viagem. O assunto é sempre levado à tona pela mídia, mas ainda acontecem os furtos. Leve os eletrônicos, joias, dinheiro, etc. na sua bagagem de mão.

BAGAGEM DE MÃO

Bagagem de mão é aquela que você acomoda no compartimento da cabine do avião ou abaixo do assento, por isso, seu peso total não deve exceder 5kg, e a soma das dimensões (comprimento + largura + altura) não deve ultrapassar 115 cm.
Na mala de bordo ou bagagem de mão, coloque apenas aquilo que realmente você vai precisar durante a viagem, além de seus objetos mais valiosos.  Lembre-se  de levar uma ou duas mudas de roupas, para o caso de sua bagagem ser extraviada. Assim, você terá pelo menos como se virar sem ter que comprar roupas novas enquanto sua mala não chega.
É proibido levar objetos cortantes ou perfurantes na bagagem de mão. Já vi muitas pessoas serem paradas na máquina de raio x e terem de jogar fora lixas de unha, alicate, pinças, canivetes, tesouras e outros. Se for para levar, leve na bagagem despachada.
Outros itens que não podem ser levados na bagagem de mão são líquidos em frascos acima de 100 ml, mesmo que parcialmente cheios. Aqueles dentro de 100 ml devem ser vedados por plástico transparente e apresentado em separado no raio x.
Ao viajar com componentes líquidos, é importante que estejam de acordo com as normas.

IDENTIFIQUE SUA MALA

Você não é o único a ter uma mala bonita, mesmo que seja com cores diferentes ou design moderno. É muito comum que malas iguais estejam na mesma esteira e isso pode causar um grande problema porque é igualmente comum que estas malas sejam trocadas por engano. Por isso, identifique suas malas com fitas, lenços ou adesivos para que fique mais fácil reconhecê-las de longe.

As bagagens devem estar identificadas, tanto na parte interna quanto externa. A identificação deve conter nome, endereço (com cidade e país) e telefone.

 

A empresa ID*BAG produz capas e faixas personalizadas para malas. Itens que diferenciam suas malas das demais na esteira. As faixas são elásticas e reguláveis, portanto servem para qualquer tamanho de mala e vem bordada dos 2 lados, com o que você escolher, como seu nome, inicias, frágil, etc., e ainda vem com uma etiqueta interna para você colocar suas informações como endereço, telefone, etc.

É aconselhável usar cadeados em todas as malas. Coloque a chave do cadeado num chaveiro grande, assim fica mais difícil perdê-la.

Malas prontas? Tudo conferido? Então aproveite ao máximo e o mais importante… Continue viajando!

 

DEIXE UM COMENTÁRIO